Vídeo: passageira é flagrada fazendo sexo com taxista

foto-pronta

Na tarde de 26 de novembro, um taxista foi flagrado recebendo sexo oral de uma passageira enquanto dirigia, com uma mão só (com a outra controlava o ritmo dos serviços que eram prestados pela prestimosa passageira – ou passageira desinibida, como qualificou-a um passageiro de um ônibus que passava por ali no momento exato da colaboração motorista-passageira) pela icônica Avenida Brasil, no Rio de Janeiro. O jornal carioca O Dia filmou o ocorrido e compartilhou a cena com os internautas no portal da publicação. Não é preciso dizer que não é um modo seguro de dirigir um veículo, aumentando em muito o risco de acidentes graves, embora possa ser uma ótima maneira de conseguir cliques e pageviews. O taxista dirigiu por cerca de três quilômetros nas condições relatadas.

O acontecido, embora inusitado, não é caso isolado. A imprudência no trânsito campeia solta na Cidade Maravilhosa. Segundo dados do Detran do Estado do Rio de Janeiro, cerca de 8300 motoristas são pegos diariamente cometendo infrações de trânsito no estado.

Claro, não é só no Brasil que atos inusitados de imprudência automobilística acontecem: por exemplo, em Xangai, na República Popular da China, em 2013, um casal foi filmado fazendo #sexo em um táxi em movimento – aparentemente sem conseguir abalar minimamente o taxista, que continuou rodando com seu táxi transformado em motel móvel. Acidentes quase aconteceram devido à distração de outros motoristas, que, estupefatos, não tinham o sangue frio do taxista que conduzia a dupla empolgada. O carro acabou parado pela polícia, segundo a autora da filmagem, mas não há informações sobre que punição – se é que alguma punição – foi imposta ao casal animadinho demais. Felizmente, nenhum acidente aconteceu e ninguém saiu ferido embora o risco tenha sido real, como apontou a autora da filmagem, que se identificou apenas como frida1986 e disse ser moradora da cidade, no distrito de Qingpu. A internauta explicou em seu perfil no Weibo, rede social do país asiático, que seu carro estava na faixa ao lado e que resolveu registrar o que estava acontecendo quando o casal, depois de uns beijos calientes, começou o ato propriamente dito no veículo.

(Via agencia de noticia)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *