Mineiros encontram pedra de jade estimada em mais 500 milhões de reais!

foto-pronta

Enquanto escavavam pedras em uma mina remota no estado de Kachin, em Myanmar, mineiros desenterraram a maior e mais valiosa pedra de jade do mundo. Com 175 toneladas e quase três metros de altura por 5,5 de largura, ela agora será enviada à China, onde será transformada em artefatos de joalheria, segundo informações do jornal Daily Mail.

A pedra de jade, que quando limpa mostrará sua tonalidade esverdeada, só perde em tamanho para uma estátua esculpida no mesmo material encontrada no Palácio de Buda, na China, que pesa cerca de 260 toneladas.

Segundo Sao Min, um mineiro de 44 anos que esteve envolvido na descoberta, apesar de todos terem pensado que “ganharam na loteria”, a pedra pertence ao país. “É uma honra de nossos líderes”, disse.

U Tin Soe, um político local que foi visto posando para fotos ao lado da pedra, disse que ela era tão grande quanto duas pequenas casas. “Eu suponho que este seja um presente do destino para nossos cidadãos e governo”, disse ele, acrescentando ser um bom sinal que ela tenha sido descoberta em sua gestão.

Myanmar, ou Birmânia, é a maior produtora de jades do mundo, obtendo desse segmento metade do PIB do país – 50 milhões de dólares. O preço em atacado da forma mais valiosa da pedra é de cerca de 820 euros por quilo (R$ 2.890), podendo chegar até £ 1.150 (R$ 4.053).

A jade, conhecida por sua durabilidade, foi muito utilizada no passado em pontas de flechas e itens de joalheria. Devido a sua resistência, também foi usada na fabricação de outras armas e instrumentos de corte, como lâminas de machados e facas.

A China é considerada um grande mercado para esse tipo de pedra, sendo um dos principais produtores de corte e distribuição durante grande parte deste século. Atualmente, é amplamente utilizada em artigos de joelharia, embora não seja considerada tão valiosa quanto safiras ou esmeraldas.

Estima-se que a pedra gigante encontrada possa valer mais de 174 milhões de dólares, o preço mais alto já colocado em uma peça do material. Ainda: cada quilo dela poderá ficar até 20 vezes mais alto, depois de a peça ser polida e tratada – o que poderia lhe dar um preço potencial astronômico, na casa dos bilhões.

Segundo o chinês e especialista em jades, Frank Xiao, trata-se de um grande achado que, apesar das muitas negociações, irá acabar na China. “Ela fará muitos belos colares e pulseiras no futuro, bem como uma abundância de estátuas”, disse.

(Via agencia de noticia)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *