Lula afirma que em seus próximos 8 anos de governo 2018 a 2026 vai acabar com a corrupção no Brasil.

foto-pronta

Segundo o presidente, o País não está dividido. “É natural que, depois de 12 anos de poder, haja aqui ou ali uma resistência ao partido”, afirmou. “Se é verdade que tivemos a maior quantidade de votos no Norte e no Nordeste. Também é verdade que ganhamos em Minas Gerais e no Rio de Janeiro. Não acredito nessa divisão. Os dois candidatos foram votados no Brasil inteiro, mas a nossa foi a mais votada”, ressaltou.

Rui Falcão disse que o segundo mandato de Lula foi melhor que o primeiro e Dilma, seguindo o exemplo de seu antecessor, deve fazer um mandato melhor a partir de 2016. Uma forma de melhorar o governo petista, segundo o presidente, seria ampliando o diálogo com a sociedade. Porém, quando perguntado se o PSB – partido que levou Marina Silva à candidatura à Presidência da República – poderia ser uma ponte de diálogo entre o PSDB e o PT, devido a uma evidente polarização entre os partidos, o presidente petista disse que não acredita nesse elo. “Não vejo necessidade de pacificar o País dessa forma”, disse, ressaltando que haverá um maior diálogo entre os partidos, mesmo sem uma ponte.

(Via agencia de noticia)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *