Idosa espanca cãozinho e ele chora ‘lágrimas de sangue’. Veja vídeo!

foto pronta

Um vídeo está causando muita indignação nas redes sociais. Ele mostra o momento que uma senhora agride fortemente um cachorro, que aparentemente não tenta atacá-la, mesmo recebendo muitas pauladas na cabeça. De acordo com informações do jornal Extra em reportagem publicada nesta sexta-feira, 29, as imagens foram gravadas na cidade de Cachoeiro de Itapemirim, conhecida por ser a terra do cantor Roberto Carlos no Espírito Santo. A agressão teria ocorrido nesta quinta-feira, 28. O cãozinho das imagens que foram vistas mais de 200 mil vezes apenas em uma das publicações no Facebook passa bem (o momento da agressão está no final da reportagem).

Após apanhar muito, o animal ficou chorando “lágrimas de sangue”. Ele provavelmente teve um ferimento nos olhos causados pelo pedaço de pau, o que fez com que o líquido vermelho saísse, impressionando e entristecendo muitas pessoas. Depois de ser muito agredido, o cão agora é disputado para a adução, sendo cuidado por uma clínica particular. O dono do local vai ficar com o bichinho até que ele se recupere completamente.

De acordo com o Centro de Zoonoses do Espírito Santo, a mulher que agrediu o animal teria 70 anos de idade. As imagens da agressão cometida por ela no meio da rua foram feitas por um vizinho que ficou muito indignado com a cena. O mesmo acabou acontecendo com inúmeros internautas. A senhora argumenta que bateu no cão porque esse mordeu o seu filho. Ela acabou sendo detida e levada para a delegacia da região. Após prestar depoimentos, a idosa foi liberada pelos agentes.

O estado do animal ferido é estável. Agressões como essa, de acordo com o Código Penal brasileiro, poderiam gerar uma punição de até um ano de cadeia. No entanto, por conta da idade da mulher, a prisão seria um dos últimos recursos a serem adotados por juízes, caso o caso chegue até a um julgamento.

Imagens exibem momento em que idosa age de forma bastante agressiva contra o cachorro. Imagens muito fortes

(Via agencia de noticia)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *