Esta mulher queria apenas passar com o carro pelo mendigo, mas então ela vê o que está escrito no papelão que ele carrega e pisa no freio.

p

Em setembro deste ano, Wilma Price estava dirigindo de volta para sua casa em Huntsville, Texas (EUA), quando ela viu um homem em pé na beira da estrada vestido roupas sujas e esfarrapadas. Ele estava segurando um cartaz de papelão e Wilma imaginou que ele estivesse pedindo dinheiro.

Mas como o trânsito parou, ela foi forçada a diminuir a velocidade e pôde ler melhor o que estava escrito no cartazp

“Cachorro no canil. Preciso de ajuda.”

Wilma não se importou com o que os motoristas atrás fossem pensar, ela ligou o alerta e saiu do carro. Quando ela perguntou ao homem o que tinha acontecido, ele se apresentou como Patrick e disse a ela que havia sido levado para a prisão por dois dias por entrar em propriedade privada. Durante esse tempo, o cachorro dele havia sido levado para um canil local. Patrick foi informado que teria que pagar 120 dólares (cerca de 370 reais) para que eles o libertassem.

Wilma tinha apenas 8 dólares com ela naquele momento e não tinha 100% de certeza de que pudesse acreditar na história do homem, então ela foi para casa. Quando ela chegou em casa, ela ligou para o canil local e perguntou pelo cachorro de Patrick.

A pessoa no telefone não só confirmou a história dele, como também disse que o cachorro aparentava claramente ter sido bem tratado e amado quando chegou no canil. Patrick pode ser mendigo e pobre, mas tratava bem o seu cachorro. A taxa de 120 dólares era necessária para pagar os cuidados dele nos últimos dias, as vacinas contra raiva, e o exame para detectar a existência de verme do coração.

Wilma tomou uma decisão rápida. Ela voltou ao local que havia visto Patrick e o levou até o canil. Ela pagou a taxa e viu o cão “Fred Frederick” pular nos braços do dono.

Wilma, que também adora animais, ficou extremamente comovida com o nível de carinho e respeito que Patrick tem por seu cachorro, mesmo que ele tenha tão pouco com o que sobreviver.

Ela não pode dar a essa dupla um teto, mas, felizmente, ela pôde reunir dois amigos queridos, deixando os dois extremamente felizes.

(Via Agencia De Noticias)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *