Ela viu ESTAS manchas no corpo do filho. Quando mostrou ao médico, ele teve que ser imediatamente internado.

foto-pronta

Em tempos de videogame e redes sociais, não há nada melhor que uma criança brincando na natureza. Mas em muitas áreas verdes existe algo que pode ser um grande perigo para a saúde dos seus filhos.

A canadense Karen McGregor vivenciou isso de maneira bem próxima: quando o tempo está bom, seu filho adora brincar na grama alta. Mas um dia ela descobriu algumas manchas vermelhas na pele dele. E depois outra. E muitas mais.

foto-pronta

Graças a seu instinto materno, ela logo pressentiu que havia algo errado. Como aquelas manchas pareciam bem esquisitas, ela tirou algumas fotos para levar ao seu médico. Quando finalmente conseguiu uma consulta, mostrou-as ao médico. Por sorte, ele soube imediatamente com o que estavam lidando.

O diagnóstico foi imediato: tratava-se da doença de Lyme! Ele receitou imediatamente antibióticos e ordenou que o garoto fosse internado em uma clínica próxima. Os médicos confirmaram o diagnóstico ao verem as manchas conhecidas como “anel duplo”, que se aparecem em 80% dos casos.

“Eu sou muito agradecida de termos visto a tempo”, diz Karen, que recomenda procurar auxílio médico imediato caso alguém na sua família desenvolva manchas similares. É importante que o médico veja exatamente como as manchas se parecem quando elas estão bem visíveis para que o tratamento seja o melhor possível.

As manchas vermelhas são causadas por pequenos carrapatos ou pulgas. Eles servem como vetor para a bactéria que ataca o sistema nervoso e são um bom indício da traiçoeira doença, que pode causar paralisia, dor, artrite e problemas neurológicos. Como a intensidade dos sintomas varia, é comum que muitos casos onde eles não aparecem tanto fiquem por anos sem serem diagnosticados.

Crianças são especialmente afetadas pela doença. O sistema nervoso delas é muito mais vulnerável do que o dos adultos.

Quando diagnosticada no estágio inicial, a doença é muito mais fácil de ser tratada. Portanto, sob qualquer suspeita, o médico deve ser procurado imediatamente. É por isso que Karen postou estas fotos das manchas no Facebook: para que outras famílias possam proteger suas crianças. Quanto mais tarde é feito o diagnóstico, mais difícil a doença de Lyme é de ser tratada. É por isso que é tão importante que o maior número possível de pessoas fique sabendo sobre ela. Compartilhe essas informações para que outras pessoas fiquem sabendo sobre os perigos da doença de Lyme.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *