Ela colocou sua filha dentro da privada antes de morrer. O motivo é simplesmente devastador.

foto-pronta

Ela vivia feliz com suas duas filhas e amigas. Mas nesta noite o destino atacou sem piedade.

Jessica Arrendale era uma jovem e maravilhosa mãe.

foto-pronta

Quando Naiomi, sua filha mais nova, tinha 15 anos, nasceu a pequena Cobie.

foto-pronta

O pai de Cobie e namorado de Jessica, Antoine, era um veterano de guerra. Ele também tinha duas filhas de um relacionamento anterior. A mãe dessas garotas sempre disse que ele era um pai carinhoso, mas que a guerra havia deixado feridas profundas nele.

Ele foi se tornando cada vez mais agressivo, mas nunca tinha chegado ao ponto de ser violento. Entretanto, um dia Antoine surtou. Ele perseguia Jessica pela casa, enquanto ela tentava afastá-lo com um bastão de basebol em um braço e a bebê no outro. Mas Antoine pegou sua arma.

Tomada pelo pânico, Jessica conseguiu apenas se trancar com o bebê no banheiro. Mas nem ali eles estavam seguros. Antoine chutou a porta e no auge de sua fúria deu um tiro na cabeça de sua namorada e fugiu. Fatalmente ferida, apenas um pensamento mantinha Jessica viva: a segurança de sua filha. Com suas últimas forças, ela colocou o bebê na privada. Logo em seguida, morreu, caindo em cima dela, e protegendo-a do ensandecido pai. Pouco depois, Antoine se matou.

Os vizinhos ficaram sabendo da briga por conta do barulho dos tiros e chamaram a polícia na mesma hora.

Uma equipe da SWAT (força de elite da polícia dos Estados Unidos) fortemente armada cercou o local. Eles não sabiam que Antoine já estava morto. Eles descobriram os corpos de Jessica e Antoine após invadir a casa. Até este momento, não havia qualquer informação sobre o bebê escondido.

Cobie foi encontrada apenas 13 tenebrosas horas depois de a polícia invadir a casa. Ela estava sofrendo de hipotermia, mas ainda estava viva. Salva graças à heroica atitude de sua mãe.

Por sorte, os pais de Jessica estavam prontos para adotar as duas irmãs. Naiomi e Cobie encontraram um lar no qual poderão ter uma infância feliz e segura

Elas naturalmente sentirão muita falta da mãe e sempre pensarão nela. Jessica sempre estará em seus corações, e sua atitude heróica jamais será esquecida.

É uma pena que casos de violência contra as mulheres continuem acontecendo com tanta frequência. Mas o amor dessa mãe, que proporcionou um milagre, me faz ter um pouco de esperança. É por isso que outras pessoas precisam ficar sabendo dessa história.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *