Com 16 anos e 10 quilos mais magra, veja como está a Ágatha, da novela ‘Avenida Brasil’

foto-pronta

Nascida a 11 de maio de 2000, em Sapucaia do Sul, a atriz Ana Karolina Lannes começou a sua carreira na#Televisão, com apenas sete anos de idade, na Rede Globo, no ano de 2007.  Seu primeiro papel foi na novela Duas Caras, mas, mostrando um talento precoce, logo foi escalada para participar de outros projetos na emissora.

Em 2008, participou da novela Ciranda de Pedra e, em 2012, fez o papel da personagem Ágata, filha de uma das mais famosas vilãs nas novelas globais, a Carminha, na novela Avenida Brasil. Foi um papel marcante que confirmou o talento da menina.

Ana Karolina ficou órfã de mãe aos quatro anos idade e foi acolhida pelo tio, Fábio Lopes. Por este viver com o companheiro João Paulo Afonso, médico dermatologista, a pequena atriz sempre enfrentou o preconceito e fofocas das quass, muitas vezes, são vítimas os filhos de casais gays. Em várias entrevistas, ela mencionou esse fato, relatando ter sido acusada de ter problemas psicológicos e frustrações, acabando por repercurtir de forma negativa em sua carreira profissional.

Além da televisão, ela também já participou de várias peças de teatro e filmes, como o A Minha Mãe É uma Peça – O Filme, onde fez o papel de Marcelina. Também já foi indicada para vários prêmios, entre eles: Prêmio Contigo! de TV, como melhor atriz infantil; Prêmio Extra de Televisão, como Revelação Infantil; Prêmio Noveleiros, como melhor ator mirim.

Como está Ana Karolina Lannes, hoje em dia

Na novela Avenida Brasil, a menina sofria bullying vindo de sua própria mãe, a vilãCarminha (interpretada pela atriz Adriana Esteves), por estar muito acima do peso, normal para a idade. Mas, hoje em dia ,ela está muito diferente do que era. Com reeducação alimentar, novos hábitos de vida e o próprio crescimento, ficou muito diferente do que era.

Confira alguma imagens antes e depois

foto-pronta

foto-pronta

Atualmente afastada da televisão, ela estuda com o objetivo de se formar em Artes Cênicas na Universidade de São Paulo e depois retornar às telas de TV e cinema.

Gostou? Compartilhe!

(Via agencia de noticia)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *