Arqueólogos fizeram uma descoberta surpreendente que calou aqueles que não crêem em Jesus…

ft-pronta

Quando falamos de religião, devemos ter muito cuidado. Há pessoas que acreditam em nada, as quais são chamadas de ateus. Os ateus afirmam categoricamente que não há Deus para cuidar de nós e que todas as religiões são uma mentira criada para atrair os cidadãos a um pensamento comum e torná-los mais dóceis. Se algum religioso tenta convencê-los de sua crença, eles reagem de forma relutante a isto: “Se Deus existe, que o me apresente”. Esta é a frase mais reivindicada por eles.

Por outro lado, existem aqueles que acreditam fortemente em alguma coisa. Sabemos que existem muitas religiões diferentes, como o cristianismo, islamismo, judaísmo e o budismo, cada qual com seus deuses, profetas e crenças. Tudo em torno da religião é sagrado. As festividades, celebrações e missas são muito importantes e muitas pessoas dão suas vidas por isto. Mas os ateus receberão hoje más notícias: Jesus existiu, e a evidência disto é algo conclusivo…

Se falarmos sobre a figura religiosa mais famosa da história, todos concordarão com a resposta. Esta pessoa foi retratado em inúmeras pinturas, canções, obras literárias e esculturas… Obviamente, falamos de Jesus de Nazaré, também conhecido como Jesus Cristo. Diz-se que ele era o filho de Deus, um anjo do Senhor enviado para salvar o planeta de todo o mal. Ele se sacrificou por todos nós, tudo para que vivêssemos em um mundo melhor.

Por que Jesus Cristo é tão famoso? Primeiro por ser o filho de Deus e por ser o protagonista do segundo capítulo da Bíblia: O Novo Testamento. A Bíblia nos mostra Jesus como a pessoa mais gentil que já caminhou sobre a Terra. Ele pregava a palavra de Deus e ajudava os mais desfavorecidos. Ateus duvidam de sua existência e acreditam que tudo é uma invenção da Bíblia, mas parece que este posicionamento foi desmoronado…

Uma série de recentes descobertas arqueológicas chocaram cristãos e ateus e não é de se admirar. Atualmente, é quase impossível que os ateus consigam afirmar que Jesus Cristo não é o filho de Deus. Crentes da religião católica estão em celebração, já que a constatação mais recente tornou o posicionamento dos ateus ainda mais difícil de se justificar. Parece que foi revelado tudo sobre Jesus.

The Christian Post relata que o pesquisador Hutchinson afirma que essas descobertas tão particulares que acabaram de vir à tona não só provam que Cristo é real, como também negam que ele foi simplesmente um profeta apocalíptico ou um bom homem. “Houve descobertas incríveis que foram alcançadas graças aos nossos estudos do Novo Testamento”, disse Hutchinson. Mas o que é isso tudo? Você verá na continuação…

“Me parece que nada falaram sobre isso na mídia. É a melhor coisa que poderiam descobrir. Nós conquistamos este feito e agem como se não tivéssemos feito nada. As pessoas ainda estavam repetindo teorias sobre Jesus e os Evangelhos que já têm um século de idade. É a ideia de que Jesus era um fanático iludido, um profeta apocalíptico que pensava que o mundo acabaria em sua vida “, comentou Hutchinson.

Talvez a descoberta mais importante que prova a existência do Filho de Deus são os dois ossuários de James e Caifás, duas das doze caixas de ossos descobertas em uma caverna em Jerusalém. O primeiro contém os restos mortais do homem que muitos acreditam ser o irmão de Jesus, chamado de James. Supostamente, a segunda pertence ao famoso Caifás, o sumo sacerdote e inimigo de Jesus. Quais são as reações a esta descoberta? Parece que tudo foi confirmado…

O irmão secreto de Jesus é um tema que vem inquietando muitas pessoas ao longo dos séculos. Neste caso, não seria o filho de Deus, mas sim o resultado da relação entre Maria e o carpinteiro José. “Os arqueólogos estão descobrindo evidências históricas muito interessantes. Se isto for verdade, então é a primeira evidência arqueológica da existência de Jesus. É muito emocionante o fato de estarmos descobrindo as sepulturas das pessoas mencionadas no Novo Testamento”, diz Hutchinson.

ft-pronta

(Via Agencia De Noticias)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *