A morte chegava por todos os lados para Gilbert Grape. Mas coisas inacreditáveis mudaram o rumo desta história.

foto-pronta

Este cachorro deu entrada em um canil. Era um desses canis em que os cachorros são sacrificados se dentro de poucos dias ninguém os adotar. Isso acontece até mesmo com animais saudáveis, mas este era um cachorro que tinha um perigoso tumor de mais de 5 quilos.

E foi assim que o weimaraner foi internado: com um tumor gigante na barriga. Não é possível nem chegar perto de imaginar o quão doloroso deve ser ter que aguentar um corpo estranho desses. Ele não podia mais nem mesmo se levantar

foto-pronta

Ele devia estar com este tumor há pelo menos um ano, segundo estimativas dos médicos. É inacreditável como ele ainda conseguia sobreviver com ele.

 foto-pronta

Uma vez que os weimaraners são uma raça bastante singular, a organização de ajuda “Tickled Pink Weimaraner Rescue” – especializada especificamente no salvamento deste tipo de raça – ficou sabendo da história desse cachorro.

Ainda assim, as chances de salvamento eram muito baixas. Os representantes da organização precisavam ponderar bem: livrar o cachorro de seu insuportável sofrimento ou submetê-lo a uma, possivelmente, muito desagradável e longa cirurgia? E quem iria arcar com os custos da operação?

Eles levaram o cachorro a uma clínica e consultaram vários veterinários que, no entanto, não conseguiram dar uma opinião que tornasse a decisão mais fácil. Mas então aconteceu algo que deixou tudo repentinamente esclarecido. Após horas de intermináveis exames, o cachorro se levantou e foi até um dos voluntários da organização. A vontade de viver estava claramente estampada em seus olhos. Não havia mais dúvidas: ele tinha que ser imediatamente operado! Por sorte, sua triste história tinha se espalhado pelo mundo todo, atraindo doações que permitiram que a cirurgia fosse realizada.

 foto-prontaInacreditável: o tumor pesava 5 quilos e meio e deveria estar lá há muito tempo, pois Gilbert Grape – este foi o nome dado ao cachorro – precisou fazer muito esforço para andar após a sua retirada. Evidentemente o seu corpo já havia se acostumado ao peso do tumor, desenvolvendo também uma deformidade na costela de Gilbert.

Mas Gilbert estava feliz: ele tinha finalmente sido ajudado. E, graças à sua imensa vontade de viver, conseguiu superar o tratamento. Ele pôde então, pela primeira vez em muito tempo, rolar com alegria e ficar deitado com a barriga para cima. São com esses pequenos sinais de felicidade e bem-estar que os ajudantes foram recompensados por todo o esforço dispensado.

Até que a felicidade ficou completa: Gilbert foi adotado e encontrou um novo lar! Graças aos voluntários e a todas as pessoas que ajudaram, este cachorro pode, apesar de todas as adversidades, viver uma vida saudável e feliz.

 foto-pronta

E, novamente, os corajosos ajudantes puderam transformar um caso aparentemente sem esperança em uma história de felicidade e superação. Compartilhe esta emocionante história.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *